segunda-feira, 4 de junho de 2007

Justiça para quê?

O português Franquelim Pereira Lobo, considerado como um dos maiores traficantes de toda a Península Ibérica, foi hoje absolvido no Tribunal da Boa-Hora por falta de provas...

4 comentários:

Cláudia Pereira Cardoso disse...

Não têm provas porque não querem ter provas. Os traficantes de droga são CRIMINOSOS. Ou não?

Capitão Merda disse...

O contrário é que seria surpreendente...

G disse...

O costume...
Abraço!

pita-cega disse...

O que me admira é como ainda há gente que se "admira" com estas coisas. É o pão nosso de cada dia!!!
A propósito: e aquela decisão do tribunal no caso da violação de um menor de 13 anos? Cá para mim, como o senhor juiz ate já deve ter mais de 13 anos (e já não tem idade para gritar pela mãezinha), o castigo que lhe dava era metê-lo na cela do violador, ao fim de seis meses sem ele ter um "buraquinho" para se satisfazer, a ver se ele gostava da "fruta".
Depois dizem que a justiça é cega. Cegos são os cabrões que vivem dela.