terça-feira, 12 de fevereiro de 2008

"Geração roubada"

Entre 1910 e 1970 milhares de crianças aborígenes foram roubadas aos seus familiares para serem educadas segundo as regras e tradições anglo-saxónicas. Foram desenraizadas da sua própria cultura, dos seus hábitos e costumes... Finalmente a Austrália assumiu os erros do passado. Reconheceu os abusos, as injustiças e as violações que praticou durante décadas contra o povo aborígene. Numa cerimónia simbólica, os australianos vão pedir desculpa aos aborígenes. Nunca é tarde para um pedido de desculpas... mas o ser humano teima em nunca aprender a evitá-las!

5 comentários:

Marreta disse...

São os males do colonialismo. Mesmo assim, nesta questão, pior tratados do que os aborígenes ainda me parece que foram os índios americanos.
Saudações do Marreta.

Marreta disse...

Ah, quem é o Arrebenta? É o gajo que leva a bomba?

Watchdog disse...

Marreta:
O Arrebenta é uma personagem blogosférica muito interessante, das Vicentinas de Braganza. Seria uma mais-valia para o grupo, no jantar.

1 Abraço!

Mariazinha disse...

Aconteceu o mesmo aos Indios quer nos EUA quer no Canada. Estão confinados praticamente a reservas
O colonizador deu-lhes esse "privilégio".
Que lata têm estes gajos quando falam de direitos humanos!
Beijokas

Pata Negra disse...

Pedir desculpa é pouco, para uma sociedade rica como a australiana, deveriam indeminizá-los com capital ou com condições de vida conformes á sua cultura.