sábado, 27 de outubro de 2007

Ainda a Cimeira...

(Um "cheirinho" do Hermitage que o presidente da Rússia nos proporcionou, assinado pelo KAOS)
Mas a cereja no topo do bolo estava guardada para o discurso final de Putin no encerramento da cimeira. Em jeito de provocação, fez a comparação entre o plano dos EUA para um escudo anti-míssil a construir na Europa e a crise dos misseis em Cuba, (durante a Guerra Fria). Não me admirei com esta ferroada "bélica" a Bush, é perfeitamente normal, vinda de quem vem... Mas estas observações dele (Putin), estão totalmente fora do âmbito da cimeira.
Aparentemente Vladimir Putin, tirando os seus discursos protocolares e de circunstância, que são imperativos nestas alturas, e claro está, defender intransigentemente os seus pontos de vista perante a UE, teve outro interesse superior à cimeira, como visitar a "Amália" e o Eusébio", as lontras do Oceanário. Enquanto na noite anterior e em vésperas da reunião em Mafra, os empresários da sua comitiva "tratavam de negócios" num clube de strip-tease em Lisboa, bem "regados" pela vodka... Nasdarovia, gandas malucos!

2 comentários:

Jorge Borges (Savonarola) disse...

O Putin está a transformar-se, a nível internacional, num contra-poder à hegemonia americana, na minha modesta opinião. Venham mais Putines abalar os Bushes deste planeta!
Um abraço

Watchdog disse...

Não concordo! Putin é igual a Bush, que por sua vez é igual a Fidel, que por sua vez é igual a Chavéz, que por sua vez é igual a Mugabe ou a Eduardo dos Santos, que por sua vez são iguais aos chineses ou coreanos que por sua vez são iguais a Sócrates ou a Barroso...

Não passam de uns velhacos que um dia morrerão e passarão à história, mas com a barriga cheia!...

1 Abraço! E volte sempre!