quarta-feira, 30 de janeiro de 2008

Remodelação no Governo : «Mudam as moscas...»

Sócrates lá se deixou da teimosia por ora, pois há que ter cautela. Estamos a pouco mais de um ano das eleições e a contestação ao Governo é o que se sabe e é o que se vê. Sendo assim, da sua "remodelaçãozita" saem (apenas) dois ministros: Isabel Pires de Lima, de quem se dizia que era uma especialista na área da cultura, cof cof... e a "besta negra" da Saúde, Correia de Campos, este saindo porque pediu a demissão...
Na minha opinião só mudam as caras, pois o resto manter-se-á. Nomeadamente a actual política de reformas na saúde.

7 comentários:

Cláudia Pereira Cardoso disse...

Sim, ainda há instantes ouvi na sic notícias o ministro da economia dizer que a política é para manter (saúde). Pergunto: Então para quê mudar de pessoa?

Mariazinha disse...

Não acredito em nada que estes senhores possam dizer ou fazer.
O que lhes interessa sãos os seus próprios interesses.

Beijokas

Pinoka disse...

E o problema é que mesmo mudando só as moscas, estas têm descaramento para nunca se afastarem muito. Se algum se distrai, aí estão elas outra vez.

Raposa Velha disse...

Lembram-se do "Yes, Minister"? Mudar quem dá a cara não é mudar de política ;-)

JDias disse...

Começou a campanha eleitoral. Muda-se o ministro aqui, o sec. de estado acolí, e a política não.

O problema não são as pessoas mas sim as políticas.

Abraço

Pata Negra disse...

O melhor mesmo é não fazermos da remodelação notícia. Esqueçam isso.
Um motim é tão perigoso como o seu chefe, quem nos sode é Fócrates - não esquecer!
Um abraço sem saúde

Marreta disse...

Exacto. A merda vai continuar. A substituta já deu a entender que vai seguir o rumo traçado, para além disso, a porcaria que já foi feita dificilmente será limpa.
Uma pequena manobra de marketing para "acalmar" as mentes mais contestatárias mas menos esclarecidas. Afinal de contas, as eleições estão aí para breve e o marketing político vai entrar em força.
Saudações do Marreta.