terça-feira, 5 de fevereiro de 2008

Um grito de alma

Muito sinceramente, gostei bastante da entrevista que o General Garcia Leandro deu a Ana Lourenço ontem à noite na SIC Notícias. Consegui sentir naturalidade, neutralidade e genuinidade no seu discurso, acerca do estado a que este país chegou. Fê-lo saber (como se nós não o soubéssemos) que a indignação é geral. Mas de certa forma comoveu-me! Reforços de consciência como este, ou como os de Marinho Pinto, são sempre bem vindos. Dão força anímica. Precisamos é de gente assim!... Mas, mais do que palavras (porque essas, leva-as o vento), necessitamos sobretudo de acções. E urgentemente!

2 comentários:

Cláudia Pereira Cardoso disse...

Palavras sábias as tuas...eu não diria melhor!!!

Mocho-Real disse...

Tive o prazer fortuito de ouvir parte da entrevista com o General e agradou-me francamente a sua postura serena e descomprometida.

Um abraço.